Não por força, nem por violência: repúdio à invasão do site do Ministério Ágape

Recentemente, fizemos um protesto pacífico e silencioso diante do Ministério Ágape, da Apóstola Neuza Itioka. O motivo foi a divergência da teologia de cura interior e libertação com o Evangelho pregado por Cristo. Nesse protesto, como nos demais, nos limitamos a estender faixas com frases e versículos, e a entregar folhetos explicando as divergências teológicas. Não conversamos com ninguém, não tentamos discipular ninguém, não fizemos barulho, cantoria, gritaria, nada. Apenas ficamos ali, parados, com nossas faixas e folhetos.

Porém, hoje soubemos que o site do Ágape foi invadido, e o responsável por tal ato colocou o símbolo dos caça-fantasmas com o seguinte texto: “chega de caçar fantasmas. Voltemos ao Evangelho puro e simples”.

Como cristãos, não podemos concordar com a máxima de que os fins justificam os meios. Assim, também não podemos concordar com um ato considerado criminoso por nossas leis, mesmo trazendo uma mensagem com a qual concordamos.

Invasão de sites é crime. Não podemos lutar pela pureza e simplicidade do Evangelho usando como arma um ato ilegal. Como discípulos de Cristo nos cabe pelo menos tentar agir como Jesus agia. Será que Cristo, em nosso lugar, invadiria algum site para propagar sua mensagem?

NÃO! Jesus nunca sequer obrigou alguém a acreditar Nele. Cristo dizia que só entraria se, ao bater na porta, essa lhe fosse aberta. Não dá para imaginar Jesus arrombando uma porta para que Sua mensagem seja divulgada.

E assim também nós. Por isso, repudiamos a invasão desse e de qualquer site, sob quaisquer pretextos. As pessoas não terão os olhos abertos porque alguém invadiu um site, mas porque o Espírito Santo agiu em seu favor.

Anúncios
Esse post foi publicado em Sem categoria. Bookmark o link permanente.

2 respostas para Não por força, nem por violência: repúdio à invasão do site do Ministério Ágape

  1. Prezado Pr. Paulo Siqueira,
    Congratulamo-nos com a iniciativa de trabalhar para a volta do evangelho puro e simples, descartando a teologia da prosperidade, shows e outras campanhas sem fundamento bíblico. Precisamos cada vez mais juntar forças para protestar contra essas visões distorcidas, que só desgastam a imagem da Igreja e o verdadeiro evangelho do nosso Senhor Jesus Cristo. Conte com nossas orações e apoio. Cremos que com ações sábias e equilibradas, segundo a direção do Espírito Santo (Zc 4:6), poderemos resgatar uma Igreja séria, responsável e submissa ao seu Senhor, honrando e glorificando o nome de Jesus Cristo. Pr. Helio Alfinito Jr. – Igreja Batista Restaurar – Brasília – DF.

    • pedrasclamam disse:

      Pr. Helio, Graça e Paz.
      Toda honra e toda Gloria é para o Nosso Senhor, tudo que fazemos é no intuito de levantarmos uma igreja que honre ao Evangelho que chegou a nós pelo trabalho de santos irmãos em Cristo. A história da igreja precisa ser recontada em nossos dias com amor e graça, sem a exploração dos simples na fé. Nosso trabalho está só começando, ou melhor continuando pois muito já foi feito e continuara a ser feito pelo Espírito Santo do Nosso Deus. Não vamos nos acomodar nem nos acovardar o trabalho é amplo e oramos para que o Senhor envie obreiros.
      Obrigado pelo comentário, estamos juntando brasas para causa do Senhor.
      Agradecemos o apoio, conte com nossas orações.

      Um grande abraço. Voltemos ao evangelho puro e simples.

      Paulo Siqueira

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s