Marcharão juntos?

O profeta Amos fez esta pergunta no passado e apesar de ter sido feito em outro contexto ela pode ser aplicada ao contexto da chamada igreja evangélica do Brasil no século XXI.
 
Andarão dois juntos, se não estiverem de acordo?
Contextualizando ao momento eu pergunto:
Marcharão dois juntos se não estiverem de acordo?
 
A chamada “Marcha para Jesus” que só tem Jesus no nome ( e no coração de alguns que marcham sem avaliar direito o que estão fazendo) não é como se pensa uma marcha da igreja evangelica brasileira, ela tem um dono ( A marcha é properidade da Igreja Renascer e seus lideres e é patenteada), ela é organizada visando os interesses da referida igreja e de sua liderança e interesses de outras igrejas que por se aliarem a esta turma demonstram que seus fins também não são nada nobres ou espirituais.
Alguém com certeza vai usar uma frase famosa da qual eu concordo: UNIDADE NA DIVERSIDADE, mas será que no caso da marcha podemos aplica-la?Eu como cristão, creio na biblia e faço dela minha regra de fé e pratica e tenho minhas convicções baseada nela, mas acredito que outras pessoas que também fazem da bíblia regra de fé e pratica possam ter interpretações diferentes da minha, e quando estas interpretações não ferem fundamentos bíblicos é possivel sim ter unidade apesar da diversidade.
Por exemplo tanto um calvinista como um arminista ( Eu não gosto muito de rótulos, mas…) conseguem usar a bíblia para fundamentar sua fé e ambos poderão citar dezenas de textos , mas isso não é suficiente para dividir a igreja, pois ambos quando sinceros estão buscando o melhor da palavra de Deus e não chegam a criar heresias nem desvirtuar o evangelho e seus principios.
Um pentencostal e um cesassionalista também afirmarão suas crenças pelas escrituras e apesar das diferenças podem ser unidos quando não exageram em suas conclusões a ponto de ferir as escrituras e atribuir uma obra de Deus ao diado ou vice versa.
Ser mileneista, pré ou pós; ser tribulacionista, pré ou pós,, acreditar num Apocalipse mais ou menos literal não afeta principios e é possivel caminhar juntos sim.;
Alguns em nome da santidade chegam a radicalizar em costumes mas quando fazem isso para Deus e não colocam nisso sua salvação e alguém mais liberal mesmo que ate exagerem, socialmente falando, em seus costumes ou falta deles podem caminharem juntos .
Pela liturgia, modo de cantar, interpretação de textos secundários não devemos nem podemos afastar a união da igreja de Jesus ,portanto um assembleiano pode andar junto com um presbiteriano e vice versa, pois ambos estarão de acordo no tocante a supremacia das escrituras e sobre sua fé em Deus, ambos buscarão ser moralmente corretos e buscarão um ética bíblica.
 
Mas quando estamos falando da marcha estamos falando em marchar juntos, e em consequencia anunciarmos ao mundo que concordamos com bizarrices que por mais que tentem, não tem respaldo bíblico, estamos mostrando que concordamos com doutrinas diabólicas que se infiltram na igreja, estamos falando que a nossa ética esta de acordo com a ética de vigaristas que usam a palavra de Deus para se enriquecerem, estamos concordando com fariseus que manipulam o povo e pior manipulam a Palavra de Deus ao seu bel prazer.
 
Não, não estou de acordo com estes lideres e suas igrejas heréticas e por não estar de acordo não posso marchar junto, o que posso fazer é estar ali para alertar os desavisados, para dar remédios aos doentes, para falar de vida a mortos e mostrar para a sociedade que igreja de Jesus não é aquela dos noticiários policiais, não é aquela dos fanáticos religiosos, não é aquela da teologia da prosperidade ou dos atos poféticos, dos encontros tremendos, das maldições hereditárias, do poder da palavra humana, das unções estranhas, etc.. Que o mundo saiba diferenciar a igreja de Jesus- um organismo vivo- das organizações humanas que chamam de igrejas.
O mundo precisa saber que a igreja de Jesus prima por sua palavra, prima pela moral, prima pela ética.
Alias o dia dia da igreja deve mostrar isso não num dia especifico, ajuntar pessoas e marchar mostrando que a igreja é grande e com isso receber ajudinhas politicas ou coisa parecida.
Quem concorda com o apostolo que esconde dólares dentro da bíblia para fazer remessas ilegais de dinheiro espoliado do povo, quem concorda em quem manipula a bíblia para pedir dinheiro e com o mesmo viverem como marajás e aplicar em empresas que nada tem em haver com o reino de Deus, quem concorda com a teologia da prosperidade, com maldiçoes na vida de crentes a serem quebradas, em unções pré fabricadas, em atos patéticos, digo proféticos, nos neos apóstolos etc participarão da marcha com toda naturalidade,
Quem não concorda que fiquem em casa ou melhor, se una com quem também não concorda e vamos a batalha…

Fonte: Blog Exemplo Bereano

Anúncios
Esse post foi publicado em Igreja e igreja e marcado , , , , , , . Guardar link permanente.

4 respostas para Marcharão juntos?

  1. Mauro disse:

    A religiosidade mata, se vc trabalhasse 10% do que eles trabalham por almas vc não teria tempo de falar mal da igreja e falaria mal do diabo. Vai se converter Fariseu

    • pedrasclamam disse:

      Querido Mauro, Paz do Senhor.
      Primeiramente agradeço seu comentário. O objetivo deste blog é ser fonte de diálogo, dentro de uma análise crítica sobre o cristianismo, pois o cristianismo está muito distante daquele que Cristo e seus apóstolos descrevem na bíblia. É preciso definir o que é trabalho para o Senhor: o que para você é trabalho eu chamo de marketing, o que vemos não é a “missio Dei” mas sim pregadores que só pregam igreja, não mais as boas-novas de Cristo.
      Isso é religiosidade, isso é farisaismo como você comenta, e eu te pergunto: a quem combatiam os fariseus? O objetivo é chamá-lo a reflexão e ao pensamento principalmente para as bases do cristianismo. Com certeza você deve acreditar em apóstolos, profetas dos dias atuais. Para isso te chamo atenção, para o contexto bíblico, para as verdades bíblicas, assim você verá que muitos dos chamados apóstolos nada fazem para o Reino de Deus e sim para si próprios, fazendo assim seu próprio reino, que tem até súditos como você e muitos, que deixaram de ver o Reino de Deus pela sua maior referência que é a bíblia, e passaram a ver somente a igreja atual, que você ainda acredita ser formada por “apóstolos”. Leia os demais artigos do blog, e também dos blogs referidos, meu propósito é que você e os demais cresçam na fé e tenham seus olhos bem abertos para as realidades do Reino de Deus, pois o que temos atualmente está muito distante dos propósitos de Deus. A grande diferença é que minha conversão me pôs no oposto, na contramão das atuais realidades do mundo, assim como Cristo nos dias de fariseus, saduceus e suas turmas. Prefiro realmente me converter a cada dia para as verdades do verdadeiro Reino de Deus. Reflita, saia do bloco e entre e descubra a vontade de Deus.

  2. Laudinei disse:

    Mauro,

    Concordo com voce em genero,numero e grau.
    De fato a religiosidade mata.
    E se voce prestãr atenção ao texto verá que o objetivo dele é exatamente esse: COMBATER A RELIGIOSIDADE.
    Discordo com voce quando diz que trabalham por almas, o que eles buscam são clientes (consumidores) para suas empresas que chamam de igreja.
    E sobre falar mal da igreja o ojetivo é exatamente ao contrario, é denunciar aqueles que se dizendo igreja causam mal a ela, a verdadeira igreja de Jesus,
    Fique na Paz

    • pedrasclamam disse:

      Querido Laudinei, Paz do Senhor.

      O verdadeiro objetivo deste blog é levar o leitor a reflexão, da realidade que envolve a igreja brasileira.
      Buscamos uma igreja ética, que tenha como foco a pregação da palavra, a pregação que leve todos os seres humanos ao desenvolvimento de uma fé verdadeira. Fundamentada na graça Divina. Combatemos este evangelho de vantagens e barganhas, e defendemos o Reino de Deus, assim como defendia a igreja primitiva.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s